Avançar para o conteúdo principal

Escolas minimalistas/ comportamentos errados

 Hoje vou abordar este tema, que a meu ver seria interessante debater!

Tema reflexivo...quem sou eu certo?

Lógico que está instituido há anos, a parafernália nas escolas....cartazes, cores, coisas visuais, porém, o  que é que os alunos acham disso, e em que é que isso contribui para a sua evolução, crescimento e até mesmo criatividade, com que olhos os pais vêm essas mesmas actividades?

E eu como mãe de um autista, vizualmente o que é que implica???

Estes dias dei por mim a deitar fora duas caixas de desenhos que os meus filhos fizeram, tendo em conta que uma tem 11 e o outro 6, e que a maioria dos trabalhinhos nem foram feitos por eles, dou por mim como mãe a pensar isso realmente importa????

Importa para nós. importa para eles, importa aos professores, à escola?

E se ao invés de investirmos nisso, investissemos em escolas minimalistas, mas que cativassem a presença dos alunos na biblioteca, num espaço café/bar, em espaços que procuram fora da escola, mas que com educação e desempenho, faria mais sentido a sua permanência no espaço interior! Explorar a socialização

Agora estamos em COVID MOMENT, mas ok, e as outras escolas com sistemas de ensino diferentes e mais ajustados, também têm COVID MOMENT certo????

Que houvesse intercâmbio entre os países mais evoluidos a nível educacional, e o nosso, que a meu ver como mãe e encarregada de educação está muito aquem da mente dos nossos jovem de hoje em dia.

Praticamos o nivel de ensino da idade média....e estamos em pleno século XXI, tudo evoluiu, tudo modernizou, e as escolas continuam muito aquém , da mente dos jovens.

Esta semana a minha filha contou-me que há pais que compram Macdonal'ds aos filhos, e sorrateiramente os mesmos transportam para dentro da escola e comem lá dentro, bem como coisas do supermercado, pizzas e afins...ora vamos lá ver que esta consciência e esta culpa, não é da escola, do agrupamento, dos professores ou assistentes, esta culpa é mesmo da cabeça retrógada dos pais, e nem vale a pena dizerem que isso é impossível e não acontece, que outros pais devem já ter ouvido os mesmos relatos.

E acontecerá certamente em várias escolas e vários agrupamentos: por isso pais não fomentem ou alimentem este tipo de comportamentos nos vossos filhos....não estão a ensinar-lhes nada de produtivo, quer em questões de regras, quer de dinheiro, quer de alimentação....usem o vosso precioso tempo cibernaútico e no fds levem os vossos filhos ao Mac, ou à pizza, mas expliquem-lhes que é errado, levar comida má para dentro das escolas, principalmente porque comprometem a escola e o agrupamento em questão!

Pais a alimentação dos vossos filhos na escola é estruturada, adaptada e feita por uma tabela nutricional, a alimentação e a cantina são lugares clean e minimalistas, mais uma forma de maximizar limpeza, e minimizar a necessidade de que um espaço cheio de ambiente como um shopping, é que é bom!

Expliquem que as escolas têm regras e não servem só para conteúdo de aprendizado curícular, as escolas servem para formar adultos e cidadãos.

Vale a pena pensar nisto...avaliem antes de culpar, e não se esqueçam, esses pais podem ser os mesmos profissionais, que aos filhos permitem coisas, que no seu ambiente laboral inibem!




Comentários

Mensagens populares deste blogue

O Fantasma do Compromisso

Já se perguntou quantos relacionamentos poderiam ter dado certo se fossem apenas e só amigos? Já reparam que quando começamos a "andar" ou "sair" com alguém supomos de imediato que temos de ser só daquela pessoa e começar a dar e a cobrar satisfações ? Nascemos sozinhos morreremos sozinhos, sozinhos chegamos, sozinhos partimos.... Não me canso de dizer isso, vimos a este mundo para partilhar e ter vivências uns com os outros, mas não somos, não devemos, não podemos ser posse do outro! Somos seres independentes e autonomos, e o que fazemos é partilhar e predispor da nossa companhia com determinadas pessoas! Porque é que muitas relações de amizade duram uma vida e os relacionamentos por vezes não? Prende-se ao fator compromisso, passamos a ser insconscientemente, propriedade um do outro, e se não somos comportamo-nos como tal...a pergunta é quem gosta de ser marionete e cingir-se ao outro ? ninguém , na verdade ninguém. Há quase sempre o dominado e o dominador, que é

Felizes os que retomaram a sua rotina mais felizes os que nunca sairam

Sim hoje li um texto e os nossos filhos e nós que estamos em casa confinados, principalmente quem está sozinho  a desdobrar-se em tarefas, em rotinas alteradas, em tentativas de sair para lugares seguros, em idas ao supermercado, as farmácias, a tentar mil malabarismos para nos mantermos despertos e saudáveis, sem que ninguém se mate, nós somos os verdadeiros heróis! Somos mães/pais a tempo inteiro, não podemos ter um surto e sair de casa porque eles não podem ficar sozinhos, nos dias de chuva não saimos, e não é porque chove, é porque as nossas crianças com necessidades especiais, não cumprem todas as regras, e molham-se e sujam-se e fazem xixi, e nós não queremos que uma simples saída de 30 minutos se torne em banho, roupa na máquina, cadeira do carro, lavagem de tudo e mais um par de botas, consumo de água e de máquina de secar, dadas as condiçoes climatéricas! São 10horas eu acordei as 9, o meu filho ontem adormeceu as 2H30, depois de ter sido dura com ele mais uma vez, is

Como receber insights da espiritualidade?

  Todos nós somos dotados da capacidade de livre arbitrio, destino, e de receber mensagens constantes e diarias, de quem nos guia desde a nascença, e de quem dentro de nós acreditamos, como sendo as pessoas que nos guiam, nos nossos passos! Hoje vou ensinar-vos que aquilo que dizemos como: a resposta está dentro de nós, não é nada mais, nada menos, que mensagens que recebemos e formas de frases, insights, simbolos, músicas, sonhos, memórias! Devemos escutar, interiorizar e tentar peceber o seu significado! Quando mais trabalhamos esta capacidade denominada de sexto sentido, mais aptos estaremos a fazer as melhores decisoes na nossa vida, das coisas mais simples do dia-a-dia. ás mais complexas! Nunca ignore os sinais, imagine que está a sair de casa e ouve: leva o guarda-chuva...leve, simplesmente leve, está um sol radiante e parece absurdo, mas leve e verá! Ou quando não sabe de algo, e não encontra, sente-se no sofá, feche os olhos, respire fundo e espere a mensagem chegar, e verá que