Avançar para o conteúdo principal

Você sabe realmente quanto ganha e quanto gasta anualmente?

Pois é isto da gestão doméstica e financeira!!!
Um quebra cabeças, principalmente quando estamos sozinhos, porque não há a quem recorrer, mas será que há a quem recorrer quando temos alguém? Temos mais ou menos gastos? Não há entradas extra de dinheiros, não há prémios, nem beneces, ou ordenados extra.

Numa relação há sempre o que poupa mais e o que gasta mais e aqui não há géneros! Ou um deles gasta mais de uma forma que de outra!

Estudos feitos os homens consomem mais em experiências, e as mulheres em compras.
Mas isto se resume também á grande maioria das mesmas fazer gestão doméstica, ou seja mais tempo em compras, mais devaneios!

Pois é ando ás voltas para tentar encontrar a solução que me permita perceber para além do dinheiro que gasto "mal" gasto sem me aperceber, e o que posso poupar!

Preparem-se para um texto longo!

 Devemos separar gastos pessoais de familiares? Devemos ter mais de uma conta? Devemos negociar constantemente os nossos créditos, seja, eles casa, carro ou pessoais? Devemos fazer as contas mensalmente ou anualmente ? Devemos atribuir-nos um pay yourself first? E como devemos usar esse dinheiro? Devemos poupar ou usar nos nossos gastos? Devemos pagar tudo a dinheiro e arredondar contas, ou devemos pagar por débito direto, ou transferência bancária, ou multibanco??? Devemos ter um plano poupança? Seguro de saúde? Devemos colocar um plafond de gastos?

Pois bem tal como eu, metade da comunidade do mundo faz estas perguntas diariamente, mensalmente e anualmente!
Eu ainda não descobri a formúla mágica, mas tenho aprendido umas quantas coisas interessantes sobre economia doméstica e gestão!
Por isso pretendo passar-vos o que já aprendi! Para gastos mensais, que multiplicados / divididos or 12 se tornam anuais ! Se é um gasto que faz mensalmente deve ser multiplicado por 12, se é um gasto que faz anualmente, ou bi anual, deve ser dividido por 12/24.
Ou seja o que se pretende é que ao invés de desfalcarem as contas com gastos extra,vão amaelhando mensalmente, para quando essas despesas aparecerem! E sim isto é regra chavão!!!!! Regra chavão é arredondar, se vai poupar poupe uns cêntimos acima, para emprevistos!
Quem desse lado já o faz?


  1. Ao crédito da casa devemos juntar mensalmente o condominio e o IMI, pequenos gastos domésticos, e compra de móveis ou eletrodomésticos
  2. Ao crédito do carro devemos somar combustível, portagens, revisões, lavagens automáticas, inspecção, mecânicos (muita coisa não é ????)
  3. Á educação devemos juntar, almoços, material escolar, associação de pais, pequenas ajudas anuais, farda/bata, livros,saídas e passeios extra, centros de estudo e actividades extra curriculares, tudo isso é educação!
  4. Á mercearia, épocas festivas, Natal, Páscoa, Aniversários!
  5. Saúde e bem estar, saídas, restauração, combustível, portagens,férias, fins-de-semana, contas médicas ou seguros,actividade desportiva,compra de material desportivo e lazer, pequenos almoços, cafés e vicios!
  6. Presentes muito importante aqui que defina um plafond mensal, se não gastar, ficará para um mês que tenha maior despesa, não se empenhe para ficar bem visto, pois provavelmente ninguém irá recompensar o que ofereceu
  7. Mesadas filhos e saídas dos mesmos, incentive-os a ganhar o seu próprio dinheiro, para os seus gastos, e jamais, lhes pague os serviços feitos em casa, a regra é: todos sujam, todos limpam
  8. Divida tarefas, porque evita de ter semanarista, e a não estar sobrecarregada de tarefas domésticas
  9. Tente perceber quando gasta mais dinheiro e o que faz gastar dinheiro, perceba o que sente depois de gastar, alegria ou frustração?
  10. Tudo o que já não cabe em sua casa, deve sempre em primeiro lugar, tentar vender, como forma de angariar dinheiro extra
  11. Se puder ter um part-time que lhe aufira um rendimento, tenha, seja em casa ou fora dela
  12. Troque serviços, ao invés de os pagar
  13. Aceite de pessoas com pequenas hortas, ou troque por algo que possa oferecer
  14. Partilhe boleias
  15. Divida gastos( e nisso os vossos jovens e adolescentes têm algo para vos ensinar, conversem e tentem entender como gerem o seu misero plafond)
  16. Ande mais a pé
  17. Faça mais exercicio na rua
  18. Faça a reunião da taperwere com amigas, e conversem sobre esse tema, há sempre algo sobre gestão que podem aprender
  19. Poupem em jogatinas e apostas, e invistam em poupança, ou em coisas que trazem rentabilidade segura, ainda que não seja imediata
  20. Compre mais nos saldos, ou em promoções, mas não gaste um salário só para ter material parado em casa...coisas compradas paradas, dinheiro mal gasto, compre no máximo 2
  21. Pense bem antes de gastar o que quer que seja, e veja se o dinheiro não lhe fará falta, para algo que não contava
  22. Não deixe parcelas em atraso, porque isso faz desfalque nas suas finanças, e altera todo o trabalho que fez
  23. Planeie compras, refeições e saídas
  24. Faça listas
  25. Compare preços (mas não ande a saltar de supermercado em supermercado, de carro, senão gastará a possível poupança no trajeto)
  26. Partilhe viagem para as compras
  27. Tente sempre compensar o desfalque na sua poupança, não há pior sensação que demorar meses a poupar 50 euros e gastar em 1 hora!
  28. Use cupões e descontos, compre em alturas em que oferecem dinheiro em cartão ou desconto em cmbustível!
  29. Por mim os Ricos não gastam, eles INVESTEM, lembre-se sempre disto!



Comentários

Mensagens populares deste blogue

Como ajudar um autista

A melhor forma de ajudar um autista e qualquer outra criança com necessidades especiais é aceitar e respeitar, a criança não pediu para nascer assim, e se nasceu é porque a sua forma de pensar e ver o mundo é importante para todos nós!

Que seria do mundo se pensassemos todos da mesma forma? que seria do mundo sem pessoas comuns, e sem génios, sem criativos, sem pessoas mais ou menos sociais, mais ou menos funcionais!

Infelizmente somos ratinhos de laboratório, e não damos ao ser humano, logo desde o berço, a possibilidade de se exprimirem e trabalharem nas suas competências, aquelas que poderiam fazer toda a diferença!

Supõe-se desde muito cedo que se não fizermos determinadas coisas que outras crianças da mesma idade fazem, somos dotados de falta de habilidade, ou pouco inteligentes, ou atrasados!

Porém faltam muitas disciplinas importantes como gestão doméstica, disciplinas mais práticas, de onde conhecemos os melhores compositores, pintores, pensadores, filósofos??? Não estão na e…

Felizes os que retomaram a sua rotina mais felizes os que nunca sairam

Sim hoje li um texto e os nossos filhos e nós que estamos em casa confinados, principalmente quem está sozinho  a desdobrar-se em tarefas, em rotinas alteradas, em tentativas de sair para lugares seguros, em idas ao supermercado, as farmácias, a tentar mil malabarismos para nos mantermos despertos e saudáveis, sem que ninguém se mate, nós somos os verdadeiros heróis!

Somos mães/pais a tempo inteiro, não podemos ter um surto e sair de casa porque eles não podem ficar sozinhos, nos dias de chuva não saimos, e não é porque chove, é porque as nossas crianças com necessidades especiais, não cumprem todas as regras, e molham-se e sujam-se e fazem xixi, e nós não queremos que uma simples saída de 30 minutos se torne em banho, roupa na máquina, cadeira do carro, lavagem de tudo e mais um par de botas, consumo de água e de máquina de secar, dadas as condiçoes climatéricas!

São 10horas eu acordei as 9, o meu filho ontem adormeceu as 2H30, depois de ter sido dura com ele mais uma vez, isso só p…

Contabilidade e Gestão- Despesas anuais

Verdade seja dita que ganhamos ao mês não ao ano!!! Mas para sabermos quanto estamos a exceder no orçamento ou quanto precisamos de ganhar mais, é o nosso dever fazer contas anuais, ativo, passivo, o que entra o que sai, o que entra e o que realmente pode sair!
Há anos muito atipicos, e nós por cá dizemos que por razões mais que óbvias este ano foi um desses!!!

Metade do orçamento, contas desencontradas, contas desiquilibradas, menos a entrar mais a sair, mas sobrevivemos assim sem grandes estragos!!!!!!!
Para o ano a meta será a financeira e material!

Sem perder o fio à meada equilibrar, equilibrar, equilibrar, para então em 2021, relaxar!
Sim tenho metas na cabeça, no papel, todos os anos me proponho a uma!
Este ano era chegar ao final com questões sentimentais resolvidas, orientar nova vida e rotinas familiares, ainda que com ajuda seja sempre o mais individualista e independente que conseguir, e ser independente nunca é apenas e só uma questão financeira!!!!

De nada adianta ser i…