Avançar para o conteúdo principal

Profissão : Blogger

Caros amigos e leitores, este post é uma crítica ao mundo atual, os mais sensíveis, não devem ler!

Não se iludam se virem uma familía que deixou o mundo para trás, casa, cão, cadela, periquito, carro, e coisas materiais, para viajar o mundo, se não tirar rentabilidade disso!

Acho que isso cria uma falsa realidade nas pessoas, e mais grave é que acreditam que alguém pode viver apenas e só de viajar e das poupanças, ou da vida material que aquiriu até então e vendeu!

Existem dois tipos de bloggers, os patrocinados, que ganham massa com isso, e os que não ganham rigorosamente nada, que é o meu caso, eu escrevo e partilho por puro prazer! Agora não se iludam que se isso é uma profissão, quem vive apenas e só de blogar, tem de tirar rentabilidade!

E não, também não é tudo tão natural e mágico quanto parece, porque a realidade e a vida das pessoas, especialmente com miúdos, não é um quadro de Renoir, muitas vezes é mais um quadro de Picasso !!!!

Hoje em dia criou-se uma ilusão pura e irreal á volta disso, venda de sonhos e realidades, que muitas vezes não existem, e não se adequam de todo a todas ás famílias, e como é óbvio chama a atenção dos demais, porque as pessoas, vivem sedentas, de mundos não rotineiros, cheios de luz e paz, amor, e viagens!!!

Mas tudo isso requer escolhas, esforços, birras, chatices, dinheiro, gasto fisico e psicológico, bem como gasto monetário, e eu que tenho o hábito de viajar há anos,e quando falo de viajar, não é só ir para o Resort uma semana de férias, já fiz imensos tipos de viagens, garanto-vos que estes cenários perfeitos só existem nas imagens criadas para o efeito! Uma mera saída com crianças, e falo crianças perfeitamente normais e funcionais, pode representar uma tortura para muitas famílias!

Custa-me sempre que se viva uma irrealidade, que põe as pessoas doentes, porque simplesmente quem não a vive acredita na tal da  perfeição, acha sempre que isso é possível, não é gente, não é!

Eu como mãe super tranquila e descomplicada que sou, e quem lida comigo como mãe sabe, que sou super tranquila com tudo, eu própria muitas vezes não consigo ter uma saída decente e tranquila, e há muitos dias de desgaste e birra, em que só desejo que eles se "apaguem" a dormir!

E não do tipo: olha vou só ali a Itália, passear em família, e fazer umas fotos fantásticas, e mostrar o quanto é maravilhoso viajar mesmo com condicionantes!!! Esqueçam isso!!!!

Depois existe o oposto, que é: eu sou a mãe blogger super simplórias, vivo do amor e uma cabana, e trabalhamos bué,não uso maquiagem, não cuido de mim, e no fim de tudo isso, não me sei divertir porque, sei lá, se calhar ter responsabilidades do tamanho do Evarest, é que dá ideia aos outros de uma vida real!!!! Errado também! Porque ninguém vive apenas e só de responsabilidade e trabalho, também há e deve haver lazer! Pelo bem de todos! Porque depois lemos post do tipo: estou super cansada, trabalho imenso, as vezes sou mãe e pai, porque o marido trabalha muito, ok...certo...depois quando estou de férias, em vez de aproveitar para namorar, e relaxar, eu vou fazer a limpeza da Páscoa, e o marido tem de aceitar porque sabe que é importante para mim, no meio disso termino cansada, e não namorei....vai dar MERDA!!! vão por mim!!!!
( Eu já fui assim...felizmente corrigi-me a tempo e percebi, que a vida não é nem de longe nem de perto só e apenas reponsabilidade, e que muitas vezes mantendo esse equilíbrio, por si só náo é suficiente para o nosso casamento não ser o TITANIC)


Moral da história

Aqui trata-se de equilibrio!!! Sou uma pessoa como mãe, e como mulher outra bem distinta, e era outra como casada e namorada e afins, acho que o meu blog, expõe muito isso!!! Talvez por isso nunca tenha tido sucesso, porque falo de coisas reais, e de todas as coisas menos boas que a minha vida tem! Que a nossa casa tem!!!!

Não há cenários perfeitos, vidas perfeitas, viagens perfeitas, mas a beleza está mesmo ai!!!!

Sejam totalmente imperfeitos e não se importem que o mundo veja, porque o importante é serem pessoas com momentos realmente felizes!!!!

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Tricot

Quem me acompanha desde os primórdios, sabe que este blog já foi inteiramente dedicado ao tricot e se chamava lanzuda...pois bem confesso, que nos últimos tempos, não que não consiga, mas não tenho feito disso prioridade, embora vos confesse que tenho imensas saudades! Vou tricotar este ano alguns gorros para sem-abrigo, que é um projeto que tenho em mente há anos, eu vou mentalizando tudo na minha vida,projectando, vizualizando,co-criando, até que surja o momento certo para por em prática, e aí ninguém me segura! Para mim é terapia, e esta arte pode ser aplicada em centros de recuperação, porque tem a vertente calmante e terapeutica, e criar algo é sempre positivo ao ser humano! Mexe com os dois lados do cérebro em simultaneo, e pulsa o lado criativo, cada um pode por o seu cunho pessoal e é maravilhoso !  Tinha uma luta com meias, até que há dois anos e de forma autodidata, consegui fazer este par, com a lã Mondim , uma marca Portuguesa da Retrosaria ! Adoro, e este ano é para repeti

O Fantasma do Compromisso

Já se perguntou quantos relacionamentos poderiam ter dado certo se fossem apenas e só amigos? Já reparam que quando começamos a "andar" ou "sair" com alguém supomos de imediato que temos de ser só daquela pessoa e começar a dar e a cobrar satisfações ? Nascemos sozinhos morreremos sozinhos, sozinhos chegamos, sozinhos partimos.... Não me canso de dizer isso, vimos a este mundo para partilhar e ter vivências uns com os outros, mas não somos, não devemos, não podemos ser posse do outro! Somos seres independentes e autonomos, e o que fazemos é partilhar e predispor da nossa companhia com determinadas pessoas! Porque é que muitas relações de amizade duram uma vida e os relacionamentos por vezes não? Prende-se ao fator compromisso, passamos a ser insconscientemente, propriedade um do outro, e se não somos comportamo-nos como tal...a pergunta é quem gosta de ser marionete e cingir-se ao outro ? ninguém , na verdade ninguém. Há quase sempre o dominado e o dominador, que é

Reciclagem

 Por vezes dou por mim a pensar, que pagamos tanto papel e plástico, para deitar ao lixo....terrível.  Além do lixo que fazemos, também é um desperdicio? Hoje o post é super curto, ,as vale a pena pensar nisto!