Avançar para o conteúdo principal

Poupança- Como Reduzir a conta do supermercado


Tendo em conta que estive casada quase 12 anos, devem poder imaginar os mais sensatos que não fui sempre como a "mulher do rico" !!!! Eu brinco com isto hoje, e nem sempre foi assim, porque no inicio ganhavamos basicamente o mesmo salário, pelo menos foi sempre o que achei, porém hoje sombras pairam sobre esse tema!
Tema que falarei num proximo post!

Mas não é esse tema que venho aqui debater!

O que venho explicar é que na minha gestão doméstica e familiar, já passei por imensas fases!
A fase inicial, em que temos uma casa e somos adeptos fervorosos da decoração e mobiliário e gastamos potes de dinheiro!
A fase do aumento do spreed em que a prestação duplica e tu passas a comer sopa para sobreviver!

Depois temos filhos e começamos a destrocar em fraldas, chupetas, leite em pó, roupinhas, e por aí vai...vamos comprar uma roupa nova para nós e trazemos um saco cheio para o bebé!
Depois vem a fase da consciência em que percebemos se queremos ter uma vida folgada temos de dar com os calcanhares no rabo, se queres ter uma poupança para recorrer quando as coisas descarrilam e os extras são mais que as mães!

Ganha-se mais, tanto que nem se sabe ao certo o valor....mas a gestão continua apertada!

E aí entram os cupões, a gestão apertada. os descontos, as listas, e aí aprendemos realmente o quanto desperdiçados e inconscientes nas escolhas que fazemos, o Marketing assumiu um papel brutal nos últimos anos, e a tendência é que se adquira sem pensar e sem ponderar, houve a febre do Couponing em que também eu poupei muito dinheiro através de armazenamento!

Hoje considero que se poupa muito, mas há investimento parado!
E passo a explicar:
investimos em stock que fica armazenado, e por isso o dinheiro está investido e parado ali, dinheiro esse que pode ser necessário a emergências e gastos diários!
Acreditem que sou profissional no tema, e a melhor forma de reduzir a conta do supermercado, é não fazer stock, a não ser comprar realmente quando o produto lhe faz falta ou já terminou e pretende substituir!
Ou se se trata de um produto corrente no gasto, ainda assim não mais que 2 stock de produto.

Se é fã de um produto e sabe que usa sempre deve sim fazer pelo menos stock de um, mas apenas e só se a promoção compensar!
Se é indiferente a marca para si, sempre que for as compras, veja o produto que compensa mais, esta é também a forma de poder experimentar produtos novos, e ter termos de comparação!

Sempre que é lançado um produto novo, ele entra automaticamente em promoção!
Há uma tendência natural nas casas Portuguesas a esta situação:

Cada membro da familia usa um champô, um gel de banho, uma pasta dos dentes e por ai vai!
Esta é uma forma essencial para reduzir a conta, porque são os produtos mais dispendiosos, então devemos ter um no máximo dois por familia!
Um champo, um gel de banho, um creme corporal, uma pasta dos dentes e por ai vai!
Produtos de bebé, se não usa de supermercado opte por farmácia e parafarmácia, pois muitas vezes existem descontos, ou pontos, que troca por produtos como gel de banho, ou boioes de bebé, entre outros, e aqui poupa indiretamente!

Já para não falar no lixo ambiental e no consumo de plásticos, que isso também fica para outro post!

Bem como tentar trocar 1/2 refeiçoes semanais por algo mais light e mais saudável, substituindo assim o consumo de peixe e carne, sei que às vezes parece que não se faz isso aqui mas faz!!!!
Pode usar ovo, se não consegue fazer algo mesmo light, mas o queijo e os ovos são refeições substitutas de carne e peixe, ainda que não seja em excesso! Em termos de saciedade, conseguem perfeitamente compor!

Introduzir a sopa, essencialmente no Inverno, porque o consumo da quantidade de comida vai ser menor, logo reduz também automaticamente a quantidade de compra!

E por fim tentar fazer mais comida em casa, de raiz, evitando assim consumos de comida processada, que além de cara não é benéfica à saúde, e quem tem crianças pode incutir o programa cozinhar de raíz em família!!!

Aqui também usamos isso, o Salvador é o Chef da casa, mas quando fazemos pizza entre outras comidas menos saudáveis, a Lara gosta de participar!

Pão é algo que pode fazer de forma fácil e sáudavel e eu posso ensinar a receita se assim pretenderem, não dá trabalho mas faz sujeira, mas garanto que não se vão arrepender, para alem de que aguenta mais tempo, que o comprado aos dias de hoje, e ainda pode congelar a massa ( para quem gosta, eu pessoalmente, tudo fresco)

Frutas e legumes se tem alguém de confiança, consumir aos locais, mais saudável e mais fresco, durabilidade maior!

Usem algumas destas dicas e se possível todas!
E tenha um objectivo para esta poupança, seja abater ao crédito, seja a compra dum carro, sejam umas férias ou poupança, jantar fora uma vez por mês, ou dar um passeio em família, isso gera incentivo!
Boas poupanças!


Comentários

Mensagens populares deste blogue

December!!!!

Dezembro chegou... e com ele todos os pensamentos, todas as reflexões de um ano completamente atípico a que todos sobrevivemos....mas deixem apenas dizer lhes que ....foi um ano de crescimento individual, espiritual e familiar! Saio deste ano de coração cheio, de pura adrenalina, como é óbvio momentos de tudo....foi ano de Marte e deviamos ter preparado para a guerra, se todos chegamos até aqui vivos e de saúde somos uns guerreiros natos, capazes de enfrentar qualquer batalha. Prosseguiremos a 2021, ano de Vénus,  do amor, da prosperidade, da fé e da abundância, da compaixão, do cuidado ao próximo, dos amores impossíveis de contos de fadas! Peço para este ano uma reflexão: o que vale a pena lutar em cada vida que nos pertence? Do que devemos ser gratos ao acordar e ao deitar? O que é para si a liberdade, a saúde, a segurança! O que realmente importa para cada um de nós? Acho que foi um ano bastante reflexivo para quem abarcou e tentou entender a mensagem...a bem da verdade nestas últim

Pagamos uma casa a vida toda e agora ninguém quer passar os dias dentro dela

 Mais uma cultura portuguesa enraizada que felizmente começa a mudar! E porque não trabalhar dentro de casa, afinal pagamos uma renda, um empréstimo que não deixa de ser igualmente um crédito bancário. Ainda que tenhamos um trabalho no exterior, porque não trabalhar em casa, criar um cantinho para fazê-lo? Incentivar os vossos filhos a explorar uma capacidade....se com a idade deles pais e avós ganhavam dinheiro em fábricas, eles podem ganhar no conforto do seu lar, explorando os seus próprios dons e capacidades. Pagamos a nossa casa uma vida....são 100 mil...200 mil....300 mil...é que pensando bem na realidade actual ...sei que muitos são teletrabalho e aglomeram "n" tarefas ao que já têm, mas isto não será sempre assim, e porque não começar já hoje? Todos nós vimos ao mundo dotados de pelo menos 1 dom e 1 propósito de vida, dos quais somos dotados por Deus na nossa hora de nascimento. Existem pessoas que os descobrem e são felizes porque não é trabalho, é propósito, é dom,

Saudades das minhas gajas

Tenho saudades das minhas gajas, das gargalhadas, do verão, das danças, dos jantares, de socializar. Sinto saudades de fazer amor, de fazer sexo, de nadar no mar e fazer topless. Sinto saudades da sangria, da cerveja, do sunset, da areia da praia. das ondas do mar. Sinto saudades do teu beijo, do teu sorriso entre ele, e do teu abraço. Sinto saudade de não ter medo de amar, porque é bom amar sem medo. Sinto saudade do bikini, dos pés na areia, da brisa a bater-me na cara. Sinto saudades do alpendre lá de casa, do jardim de inverno, dos finais de tarde de verão. Sinto falta dos abraços, dos beijos, das borboletas na barriga, dos primeiros encontros. Sinto saudades de acordar com desejo e adormecer com paixão.  Sinto saudades do teu abraço aconchegante, do teu toque meigo, do teu mau feitio. Sinto saudades da paixão desenfreada e do tesão, mas mais saudades do teu amor calmo, que me serana, saudades da tua voz....aí a tua voz. Saudades dos jantares, de andar de mão dada na praia, de quan