Family | Reading | Organization | Beauty | Photografy | Travel | Food | Life | Autism

quarta-feira, 30 de maio de 2018



Ainda sobre férias, e porque devemos tirar férias em família?
Acho que é possível a todos, não importa onde vamos, em que lugar ficamos, o importante é estarmos juntos.

Lembro-me que a primeira viagem de férias em família a 4 foi marcada ainda o Salvador estava na barriga!!!, Loucura eu sei, mas foi a melhor época para viajar, fomos a Menorca, ele ainda nem 3 meses tinha, ou seja, ficou all the time entre o carrinho e a alcofa, ou à mama.

A segunda fomos a Tenerife no ano a seguir, e também foi relativamente tranquilo, alguns cuidados com o sol, com a viagem de avião, mas tudo correu pelo melhor.

Depois no ano a seguir veio à baila o Autismo do Salvador, e desde então as viagens de avião ficaram erradamente de lado e porquê? Porque de facto, se os habituarmos desde cedo, eles não vão estranhar, e claro podem reagir pior, a uma ou outra situação, mas aqui o dever dos pais é não entrar em pânico, não stressar e encarar tudo como normal e tranquilo.

Como é óbvio já muitos estarão a dizer: nem toda a gente pode dar-se ao luxo de ir de férias....ora bem, isso tem a ver com prioridades, e com formas de gestão, se somos um casal que não toma o pequeno almoço no café diariamente, não fumamos, não gastamos fortunas em extras e apesar das despesas serem como as de todas as famílias que têm dois filhos, ou até maiores, acho que merecemos presentear-nos com isto, por todo o nosso esforço anual, fazemos tanto pela família que acho que é mais que merecedor! E só depois de tentar poupar para as merecidas férias, é que vai perceber que consegue,encare isso como um presente, porque se lhe oferecessem teria a opinião, ai e tal, não vou, eu nem gosto de ir de férias, nem de sair de casa...provavelmente aceitaria de bom grado, e nunca mais esqueceria a experiência!!!!  casas, carros, mobílias, etc etc...fica tudo cá gente linda, e tudo o que levamos nesta vida são memórias, e tudo o que deixamos também!
E é óbvio que há pessoas que gostam de campismo, outras de ir 15 dias para o Algarve, outras sempre para o mesmo sitio, outras de cozinhar, outras de não fazer nada!
Mas independentemente da nossa situação todos nós merecemos esta compensação, porque nos dá suporte para o resto do ano laboral até às próximas férias!

Pare para pensar um pouco no dinheiro que pode poupar diariamente, semanalmente ou mensalmente, que lhe permita usar nas férias, se pode poupar para uma casa, ou para um carro, poderá concerteza fazê-lo por umas férias, a não ser que não seja a sua prioridade!

Mas já pensou se vive para trabalhar? E que compensações tira disso? ou tirou? Já pensou que um dia fica doente, e tudo que alcançou de nada lhe vai valer? E que felicidade tirou disso? Não há melhor cura que uma viagem! Se não fosse tão prazeroso viajar, porque tanta gente o faria???

Acho que a foto de cima ilustra bem o porquê de termos férias em família !!!!

Vale a pena pensar nisso!

Não faço juízos de valor de ninguém, apenas nós por cá temos essa prioridade!

Boas férias!



terça-feira, 29 de maio de 2018

Já não é novidade para quem me segue que sou muito ligada à moda e que aprecio um bom vestido com um bom corte, e que estou a aprender a fazer as minhas próprias roupas porque a moda pode ser intemporal e até barata, e até ter bom gosto, o que não pode ser é descartável, porque disso anda o mundo cheio!
E o pior que nos pode acontecer, é irmos a uma qualquer cerimónia e termos outra pessoa igual a nós!!!!
É, foi e sempre será elegante, vestirmos uma roupa talhada à nossa medida, com um bom corte e uma peça única, não vale a pena repetições!
Se somos seres únicos, temos o direito a peças de roupa únicas!

Na verdade sempre compro nas lojas convencionais, mas compro sempre aquilo que não está na "moda" , mas sim aquela peça que me saltou ao olho, e que tem a ver comigo e com o meu estilo.
Compro muitas vezes roupa fora da estação, e se passar numa loja de 2ª mão e vir algo que me salte à vista, se for de preço justo, compro também, por vezes são peças únicas e com um corte excelente, não importa muito a marca mas sim o fabrico da peça e qualidade do tecido.

Assistam ao documentário sobre a Iris Apfel, grande ícone da moda, ainda viva com 93 anos!!! E vão perceber que a moda é o que esta senhora representa : Estilo e Carácter!

É assim que vejo a moda através dos meus olhos!

Já fiz peças e continuo a fazer em tricot e continuarei a fazer, como criadora autodidata, embora seja uma coisa que nos ocupa bastante tempo, a costura por sua vez, é mais rápida e prática, e o resultado mais visível.

Por vezes compro revistas, como forma de inspiração, e a Vogue apesar de não ser uma resvista "barata", vale bem os 5 euros!

A Moda, reinventem a Moda!
Dries Van Noten








segunda-feira, 28 de maio de 2018


Sobre ser Blogger:

Gente blogger não é só e apenas uma profissão, é também um hobbie e uma paixão!
Já me perguntaram imensas vezes se ganho dinheiro com o blog, ou com as redes sociais, a resposta é : NÃO.

Se ganhasse era bom? : SIM!

Já sou blogger há imenso tempo e talvez se me tivesse dedicado mais e assumido isto como algo profissional, talvez estivesse a ganhar dinheiro, só que não.

Há demasiadas opiniões sobre exposição nas redes sociais, e a verdade é que não vou abordar esse tema, porque para polémica, já chego eu.
E eu tenho a minha opinião muito vincada sobre isso:

Posso é garantir-vos que com ou sem exposição nas redes sociais, toda a gente sabe das nossas vidas e que mais tarde ou mais cedo, tudo que afunda à tona vem.

Talvez a minha cabeça não seja composta por maldade suficiente para acreditar que as pessoas podem fazer algo só porque lhes traz prazer e satisfação,e partilha do que é bom e real,  e não por questões financeiras, para se exibir, ou para expor.

Passei muito tempo isolada nos primórdios do meu desemprego, e de facto as bloggers foram a minha companhia, aprendo muito mais com qualquer uma do que com as novelas da TVI ou com as reportagens da CM TV.

Não vivendo a vida dos outros, passei a acreeditar mais em mim, e a acupar melhor e mais produtivamente os tempos da minha vida, bloggers são influenciadores natos, e por esse motivo existem imensos, e têm tanto sucesso, alguns ganham mais que muita gente a trabalhar 8 horas por dia, e têm à sua frente um 100 número de oportunidades de vida.

Para muitos é um hobbie que passa a ser um trabalho.
Para outros apenas um lugar de partilha diária, semanal, ou mensal.

Na nossa sociedade corrompida pela maldade e inveja, não existe o pensamento, grata pela partilha, feliz com o teu sucesso, existe a caça ao erro, ao post de tristeza, ou de um dia menos feliz, e a alegria que obtêm disso, vai daí quem tem mais sucesso é quem nem pública nada que seja menos bom, quer que se tenha engasgado com um caroço, ou tenha sujado o vestido numa gala importante.

É busca incessante do que o que o público quer ver, e do que o público não pode criticar, porque não é desgraça, ou um comentário pior num dia não.
O que alegra e choca o ser humano dos dias de hoje é o mau, o ridículo, o não real.

Com pena minha, e talvez por isso eu nunca me torne uma blogger profissional !!!!



sexta-feira, 25 de maio de 2018


Eu sou "revendedora" Yves Rocher, mas na verdade só compro para mim ou para oferecer!
De vez em quando mando vir um produto novo para testar, mas por norma encomendo o que gosto e conheço, é o caso destes pós solares, que uso todos os anos, e como agora somos 4!!! Gasta-se muito! Os solares também, mas neste catálogo aproveitei os produtos em promoção, como sabem, eu e as promoções!
Veio este creme masculino, que também é familiar, como novidade os vernizes e o desmaquilhante,
Veio também um necessaire de oferta.

Vou dar-vos depois o feedback dos vernizes e do desmaquilhante, o pós solares, bem como o solar da mesma gama ACONSELHO muito.
Pela protecção que oferece e pelo cheiro a verão maravilhoso!



sexta-feira, 18 de maio de 2018



Primeiramente tenha a certeza do dia e hora na Igreja, depois procure a quinta ou restaurante ou local!
É muito frequente haverem locais partilhados, eu honestamente acho que aquilo que pagamos por pessoa, vale bem termos privacidade e um espaço só nosso.


No nosso caso, e muito também em parte para lidarmos de uma forma suave com o Salvador, escolhemos um espaço com espaço interior e exterior, sem acesso à estrada e seguro.

Escolha o convite ( existem variadíssimos na net), coloque a Igreja a hora, o local, a data limite
de confirmação e os respectivos telemóveis.
Se pretender fotógrafo comece a procurar também.
Entre 3/6 meses antes procure vestidos e sapatos.
Depois dessa tarefa feita, decida o penteado.
Confirme se tem a vela de Baptismo, que normalmente é a utilizada na Comunhão.
O Ramo para a criança é opcional!

Decida as ementas, a decoração do espaço e a animação pretendida.
Peça a impressão das ementas, no caso de o local não ter esse serviço, e basta entregar de véspera no respectivo local, bem como o exacto número de convidados, dividido por Adultos, Crianças e Bebés.
Escolha o bolo.

Se pretender alguma decoração extra, ou diferente fale com a responsável do espaço, por norma eles são flexíveis, bem como um ou  outro pedido especial. Se for mais confortável para si, peça para ver uma decoração já montada para outra comunhão, e vá ver de perto.

Vá riscando da lista tudo o que está tratado!

Para o dia leve sapatos de substituição, bem como mudas de roupa se tiver filhos mais pequenos. Se sentir necessidade de ajuda por parte de alguém, não hesite em pedir, lembre-se é apenas mãe e não a super mulher!

Respire, relaxe e aproveite o dia. São dias únicos o segredo é relaxar!




segunda-feira, 14 de maio de 2018

A forma como me desloco para as férias é pouco importante, é só horas ou 1 dia, o importante é o sitio onde vamos estar de férias pois são muitos!!!
Lara Azevedo


Nós por cá como já devem ter percebido, gostamos de fazer férias, mas a busca pelas férias que agradem a todos, dentro do orçamento e para 4 pessoas nem sempre é fácil, porque a cada ano tentamos conhecer uma localidade diferente, gostamos também de ter um raio à nossa volta que nos permita conhecer outras localidades, perto, que muitas vezes o que acontece é abancarmo-nos em determinado sitio, e depois, sairmos para conhecer.
O ano passado excedemos as regras e fizemos 900km, mas foi uma viagem cansativa.
Quando temos crianças, o ideal é ter, parques perto, piscina, praia, entre outros.
Se são mais velhos as férias tornam-se mais flexíveis ainda, porque não há leites para aquecer, horários rígidos de alimentação, sei que férias não são horários, no entanto, com o Salvador, não é fácil, porque come a horas muito especificas. e como não sabe pedir, tentamos antecipar sempre, de modo a evitar crises e birras!
Nós estamos muito divididos, mas em comum temos o gosto pela cultura, praia, piscina e conhecimento de novos lugares, e o segredo é juntar tudo isso numa viagem só!
Podíamos por vezes arranjar alojamentos muito mais acessíveis, mas a verdade é que tentamos agradar a todos para que as férias sejam o mais descontraídas possível.
Tentamos ainda ter sempre acesso fácil e rápido as zonas centrais, bem como a supermercados, hospital, etc. etc.
Tentamos um misto de alojamento que nos permita algumas refeições e essencialmente pequeno-almoço.
Tentamos também que tenha acesso rápido e fácil à praia, agora não há sestas mas nas férias o cansaço é tal que nunca sabemos.
Enquanto são mais pequenos, a busca é mais difícil e até mais dispendiosa, mas estou em crer que o importante é darmos umas férias em família, com risos e diversão, algum desequilibro de rotinas, mas tentando manter as mais essenciais!
Existem sempre momentos de birras, e algum stress e até cansaço de todos, mas na verdade desde que somos pais, que as férias em família são sem dúvida dos momentos mais especiais e unidos que passamos juntos! O ano passado a Lara deu as suas primeiras braçadas nas férias, e o Salvador sorrisos rasgados de felicidade, e isso para nós vale o mundo !!!!
Sou muito grata todos os dias por tudo o que a vida nos tem dado, e por tudo o que assim passo aos meus filhos!





Em última dica:
Faça orçamento, que inclua deslocações, estadia, almoços, jantares e gastos extras, um ou outro brinquedo, visitas ou museus, etc.
Boa pesquisa!

terça-feira, 8 de maio de 2018

Este texto está carregado de Ironia, se é susceptível a isso, por favor não leia!


Hoje fui desafiada pela minha compincha do costume a experimentar este lugar que serve refeições saudáveis, tem uma sala de exercícios, cardio, PT, aulas de grupo, ioga, localizada, e por fim consultas e massagens osteopáticas.
É imensa coisa ligada à saúde e bem-estar.
Coisa para irem ver de perto!
Aberto de Segunda a Sexta, que eu concordo plenamente.
Portanto o ideal para quem tem horários mais alternativos, ou para quem tem o dia livre!
Gostei dos pequenos almoços, o atendimento foi assim/assim, o senhor não foi a pessoa mais simpática do mundo digamos, e notava-se claramente que é do grupo dos extremistas da vida saudável levada ao extremo,daqueles que não vale a partilha de opiniões, pois tudo o que disser, de nada vai valer, talvez lhe faltasse um poucochinho de açúcar, porque estava com um ar assim abatido,para as crianças e este tipo de alimentação, sabemos nós mães que quando temos crianças, a coisa não se dá assim com tanta facilidade, e que umas papas de aveia, num momento de fome e crise, talvez não fossem muito bem aceites pelos nossos meninos.
Eu que sou a pessoa do equilíbrio, e não abdico de um bom prato de massa e de um geladinho ou uma comida gordurosa de vez em quando, não trouxe de lá assim muito boa impressão.
Confesso que esporadicamente me sabe bem este tipo de refeição, no entanto existem vários conceitos dentro do conceito, e eu também não sei muito bem, em que ponto alguns estão assim situados. Eu gosto de praticar Ioga e Pilates, mas não preciso de fazer um retiro espiritual para tal, até porque no meu ginásio também tem!
Depois temos a questão de que tudo que é saudável, paga-se a preço de medicamento e que os pequenos almoços são assim consistentes mas não dá para o dia a dia, a não ser que feitos em casa, mas também pelo tempo de preparação, de duas pessoas, parece-me a mim que para uma manhã de trabalho convencional, e de preparativos e idas a escola, seja assim um pouco difícil de encaixar!
Por isso mesmo é que o Clube das Donas de Casa Desesperadas que de lá saiu da aula de grupo, estava a sair da Pastelaria Convencional mais acima, já eu me dirigia à massagem!
Claro que vamos fazer a aula de ioga, ou pilates, e somos o supra sumo da vida saudável, mas depois não abdicamos do paozinho com manteiga e do café expresso, e para complementar o cigarrinho no fim.

Atenção que isto não é uma critica, acho lindamente que se tenha um estilo de vida saudável, que passa por muita coisa, que não é passar do 8 ao 80, e o nosso organismo também agradece!
Acho que devemos ser conscienciosos, acho que devemos ter cuidado com o que comemos, evitar certas coisas, e também não dar aos pequenos, eu própria tenho os meus dias sem carne ou peixe, sem doces, sem alcool, mas quando me apetece não vou ser radical, e ficar a babar por um copo de vinho, como se estivesse grávida ou a amamentar, mas sabemos que no dia-a-dia que toda a gente tem, isso não é assim tão possível, e depois onde vamos buscar o resto que não vem nas comidas???
Ao Celeiro, em forma de medicamento, quer dizer, suplemento alimentar!

Mas nada contra quem come Tofu de Bacalhau no Natal, acompanhado de abacate, mas no Natal eu não troco o meu bacalhau, com batatas!

Atenção que eu volto a repetir, respeito e cada um sabe de si, mas para mim é Too Much!
Tudo isto para dizer que se são adeptos deste estilo de vida é um sitio para experimentarem, tenho também de alertar que não vão em grupos de mais de 10, porque a sala de refeições não é grande!

Em imagens:






Cozinhar através dos sentidos

Já perceberam se seguem os instastories desta casa Portuguesa, que por aqui adoramos comer e cozinhar. e acreditem adorados leitores, que q...

Segue-nos no Instagram!